Por que reciclar o óleo de fritura?

O óleo de fritura usado (óleo vegetal saturado) descartado de maneira incorreta provoca diversos males ao meio ambiente. Cada litro de óleo descartado incorretamente tem capacidade para poluir cerca de um milhão de litros de água. Essa quantidade corresponde ao consumo de uma pessoa durante 14 anos.

Por ser mais leve e não se misturar com a água o óleo forma uma película que com o tempo causa entupimento e problemas de drenagem se despejado em pias, vasos sanitários, valas ou bueiros. Aumentando assim o custo no tratamento do esgoto.

Quando não há tratamento de esgoto, se chegar aos arroios, rios e lagos, a película formada pelo óleo dificulta a entrada de luz e a oxigenação da água, provocando o aquecimento, pois impede também a evaporação. Comprometendo assim, a base da cadeia alimentar aquática, causando a morte de peixes e outros animais.

Quando esta água poluída entra em contato com a água do mar, mata os fito plânctons, que fazem a fotossíntese (produzem oxigênio) e depois se deteriora produzindo gás metano que é vinte e uma vezes mais prejudiciais à camada de ozônio, do que o dióxido de carbono (Co2). Se jogado na terra, causa a impermeabilização do solo, matando as plantas gerando mais gás metano na atmosfera.